Micropiementação Capilar

Micropigmentação Capilar: descubra como se tornar um profissional qualificado

Nesse artigo você irá conferir informações essenciais sobre um procedimento que está crescendo exponencialmente no mercado por conta dos seus resultados rápidos e seguros: a Micropigmentação Capilar!

Profissionais que atuam na área da beleza sabem que as inovações de técnicas e procedimentos estéticos se desenvolvem em ritmo acelerado.

O Brasil assumiu um dos primeiros lugares no ranking mundial de cirurgias plásticas e, mesmo durante a pandemia, clínicas especializadas nessa área tiveram um crescimento notável.

Recuperar a autoestima é o objetivo da maioria das pessoas que recorrem aos profissionais da área da estética, que precisam estar preparados para atender as expectativas dos clientes.

Por isso, se especializar em determinada técnica é essencial para que você possa atender seu público de forma satisfatória e segura.

Preparamos para você dicas valiosas de como se tornar um profissional de excelência nessa área e o quanto você pode cobrar por esse serviço que possui uma grande procura no mercado. Confira agora mesmo!

O que é a Micropigmentação Capilar?

A calvície é um problema que atinge mais de 40 milhões de brasileiros. Com mais ocorrência entre o público masculino, essa condição, que pode ser hormonal ou genética, é algo que afeta muito o emocional e psicológico das pessoas.

Consequentemente, a demanda por tratamentos eficazes e sem riscos vem só aumentando durante os últimos anos, trazendo para os especialistas da área uma grande oportunidade de crescimento profissional.

A micropigmentação capilar é uma técnica não invasiva capaz de simular o crescimento de fios no couro cabeludo. Ela é uma excelente opção para quem deseja dar sensação de volume, cobrir falhas ou cicatrizes, ou trazer o aspecto de um cabelo raspado.

Esse método, também conhecido como dermopigmentação, utiliza pigmentos que são aplicados por agulhas de tamanho micro na camada mais superficial da pele.

Por esse motivo, é um tipo de tratamento reversível e semi-permanente, ou seja, precisa de manutenção dependendo dos cuidados que o paciente tiver.

Lembrando que é uma técnica totalmente personalizável, pois o profissional precisa saber selecionar a cor exata de acordo com o tom natural do cabelo do seu cliente. Para isso, é interessante o conhecimento sobre colorimetria.

Onde surgiu a Micropigmentação Capilar?

A origem da micropigmentação está muito aliada a história do surgimento da tatuagem, que é milenar e cultivada por diversas civilizações.

Os registros arqueológicos mais antigos apontam que essa prática era realizada pelos egípcios há cerca de 4.000 anos a.c.

Com profunda relação com rituais religiosos, povos nativos da região da Nova Zelândia, Polinésia, Japão e Filipinas, também carregam em suas raízes a utilização dessa técnica que se tornou algo cultural.

No Brasil, serviços de micropigmentação direcionados especificamente para tratamentos de calvície começaram a ser difundidos em 2012, e sua popularização vêm crescendo a cada ano.

Qual o público indicado para realizar a dermopigmentação?

Micropigmentação capilar é indicado pra quem

Homens e mulheres que sofrem de alopecia podem realizar esse procedimento.

Apesar de ser mais ocorrente em homens, a calvície feminina também é um problema recorrente que faz com que muitas mulheres procurem por essa técnica.

Lembrando que é importante que o cliente saiba previamente se os fatores que desencadeiam a queda de cabelo, ou calvície, são devidos a fatores genéticos, ou oriundos de alguma outra causa que talvez precise de tratamento médico.

A micropigmentação também não é indicada para gestantes ou portadores de marcapasso.

Quanto tempo dura o tratamento de Micropigmentação Capilar?

A duração do tratamento dependerá da técnica utilizada e do tamanho da área a ser preenchida.

O número de sessões também varia de acordo com a necessidade de cada cliente, e o indicado é que o intervalo entre as sessões seja de 20 dias (também podendo sofrer alterações dependendo do processo de cicatrização da pele).

O procedimento de dermopigmentação conta com técnicas capazes de simular fio a fio, dando um resultado semelhante a um cabelo raspado por máquina. Mas, caso o cliente deseje disfarçar falhas, é possível aplicar a técnica de densidade que traz a aparência de um cabelo mais volumoso.

Qual profissional pode realizar esse tratamento?

O profissional mais indicado para realizar esse tratamento são esteticistas especializados em dermopigmentação capilar.

Isso porque, apesar da experiência que muitos possuem com a micropigmentação em outras áreas do corpo, como sombrancelha e lábios, a região da cabeça se difere pela quantidade de vasos sanguíneos presentes.

Por esse motivo, a técnica, os instrumentos utilizados e a precisão no momento da aplicação, são diferentes e precisam de muito cuidado e prática para o sucesso do procedimento.

Como se tornar um especialista em Micropigmentação Capilar?

Se você já é um/a esteticista e se interessa muito por essa área, há cursos específicos para se tornar um especialista na região capilar.

É importante também ter conhecimentos de estética facial e colorimetria para cumprir as etapas básicas desse tratamento que contemplam: a delineação da região a ser preenchida e a escolha da coloração correta de acordo com a cor natural do cabelo do seu cliente.

Qual valor cobrar para realizar esse procedimento?

Uma das razões que explicam o aumento da demanda por esse tratamento é a acessibilidade dos preços comparado à procedimentos de transplantes capilares.

Aproveitar essa tendência pode ser uma grande oportunidade para você que precisa alavancar sua carreira nesse mercado promissor!

Mas, há sempre aquela dúvida que nos persegue: quanto eu devo cobrar pelos meus serviços?

Bom, é importante você levar em consideração 3 fatores:

  1. A soma dos custos para poder realizar seu trabalho como: cursos realizados, utensílios, equipamentos, aluguel (caso você tenha sua própria clínica), luz, entre outras despesas.
  2. Análise do preço médio cobrado pelo mercado. É importante conhecer seus concorrentes para que você possa estipular um preço justo e competitivo.
  3. Valor que o cliente está disposto a pagar. Saber o orçamento limite do cliente é essencial para que você possa negociar os valores do tratamento.

Dependendo da cidade, bairro ou região, os valores para o procedimento de micropigmentação capilar podem variar de R$200,00 a R$10.000 mil reais.

Por essa razão, é importante levar em consideração os fatores citados acima e determinar valores condizentes com a qualidade do trabalho que você irá oferecer.

Gostou do nosso artigo? Esse conteúdo foi útil para você?

Confira também nosso texto sobre Curso de Micropigmentação de Sobrancelhas – Os Melhores em 2021 e descubra os melhores cursos pra se tornar um profissional nessa área!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *